BLOG | AGENDA |  QUEM SOMOS |
Loading

Babel ou Pentecoste?

20.7.14 |

    
Em Gênesis 11, encontramos a narrativa do estabelecimento da descendência de Noé em uma planície de Sinear, onde começaram edificar uma cidade e uma torre com o fim de terem um nome conhecido e não serem espalhados sobre a face de toda terra, contrariando o propósito de Deus de encher  toda terra (Gn 9 : 1). Por esse motivo Deus intervém  confundindo assim a linguagem do povo, uma vez que todos falavam a mesma língua, frustrando assim seu intento.                                                                                                                                                                         
No Salmo 133:1-3, observamos que Deus ordena sua bênção e a vida onde prevalece a união entre os irmãos, mas no  caso de Babel Deus promove a desunião, fazendo com que ao se falar não houvesse compreensão, isto porquê o povo estava fora do proposito divino . 

O tempo da Copa do Mundo no Brasil se deu em tempo de Pentecoste. Em Babel houve confusão de línguas surgindo então várias naçõesEm Pentecoste, para que a mensagem do Evangelho de Cristo   alcançasse todas as nações , o Espirito de Deus concedeu entendimento de línguas. 

Na Copa do Mundo verificou-se a dificuldade dos brasileiros falarem uma segunda línguaApesar dessa dificuldade, as diversas nações que aqui estiveram, enalteceram o povo brasileiro por sua capacidade de comunicação através do acolhimento, receptividade, cordialidade, gentilezas, calor humano e alegria, superando assim a dificuldade da linguagem verbal . 

Em tempos de Pentecoste convém à Igreja refletir sobre como anunciar  o  Evangelho de Cristo. Hoje nota-se uma crise de identidade na Igreja, fenômeno esse que ocorre nas mais diversas organizações . Dentro da mesma igreja às vezes não falamos mesma língua. São diferentes  pensamentos, diferentes correntes teológicas, estratégias diferentes e como nos fazer compreender? Como anunciar o evangelho de Cristo de maneira que as pessoas o aceitem?  

Ainda que eu falasse a língua dos homens de dos anjos e não tivesse amor, seria como metal que soa , como sino que tine”... (1º Co. 13:1) . Nessa pluralidade de pensamento da igreja, quase sempre um grupo quer se sobre por ao outro, digladiando cada qual armado com sua ideologia . 
O Êxito em anunciar o evangelho consiste em pregar Cristo no poder do Espirito Santo, e a forma  própria do Espirito Santo para a superação de toda barreira e dificuldade  é a linguagem do amor, do acolhimento, da união ... 

Se temos conflitos em nossos discursos  amemos  mais uns aos outros! 
“Quem tem ouvidos ouça o que o Espírito diz às igrejas” (Ap 3:6)

Por: André Rocha Paradela

blog comments powered by Disqus

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Página Anterior Próxima Página